Você está aqui: Home » Luta Ecológica » Berkeley: protesto e nudez contra o desmatamento

Berkeley: protesto e nudez contra o desmatamento

Se fosse por essas bandas do sul, passaríamos os dias pelados. Mas quem sabe…

No sábado, 18 de julho de 2015, ambientalistas/ecologistas protestaram nús contra o corte de eucaliptos no campus da UC Berkeley, sob a direção de arte de Jack Gescheidt do Projeto Espírito da Árvore. Foto: Ted Friedman.

No sábado, 18 de julho de 2015, ambientalistas/ecologistas protestaram nús contra o corte de eucaliptos no campus da UC Berkeley, sob a direção de arte de Jack Gescheidt do Projeto Espírito da Árvore. Foto: Ted Friedman.

Um grupo de 75 pessoas participou de um protesto contra o corte de árvores, num um bosque de eucaliptos, no campus da Universidade da Califórnia (UC) Berkeley, nos Estados Unidos. Os voluntários tinham realizado um ensaio para posar artisticamente, mas vestidos. Contudo, ao iniciar o ato, muitos começaram a retirar as roupas e retornar para suas poses.

O protesto foi promovido pelo Projeto Espírito da Árvore, que tem por fim sensibilizar para o papel que as árvores desempenham nas vidas humanos, tanto globalmente como para os indivíduos. Jack Gescheidt, que fundou o projeto e fotografa pessoas nuas com árvores e natureza, alega ser uma medidas desnecessária o corte raso das árvores.

Cenário após o corte é criticado como fator de mais incêndios.

Cenário após o corte é criticado como fator de mais incêndios.

O corte faz parte de uma proposta do governo como uma das medidas para diminuir o risco de incêndios florestais em Claremont Canyon. Lá ocorreu um incêndio devastador em 1991, que atingiu 1.520 hectares, queimando mais de 3.300 casas, a uma taxa média de 11 segundos cada, ferindo 150 pessoas e deixando 25 mortos.

Outro grupo ecologista, o Hills Conservation Network alega em processo judicial contra a Federal Emergency Management Agency (FEMA), que o desmatamento pode aumentar, em vez de diminuir, o perigo de incêndio, transformando árvores vivas resistentes ao fogo em madeira morta. Eles também alertam para os perigos ambientais do uso do herbicida glifosato, comercialmente conhecido como Round Up, aplicado sobre os tocos de árvores remanescentes.

Berkeley. Foto: Ted Friedman.

Berkeley. Foto: Ted Friedman.

Fonte: http://www.berkeleyside.com/2015/07/18/in-berkeley-protesters-strip-naked-to-try-to-save-trees/

 

Scroll to top